Smart Fit News
Smart Fit News » Saúde » Confira 3 dicas para evitar dores no joelho ao correr

Confira 3 dicas para evitar dores no joelho ao correr

Um dos grandes inimigos da performance, o desconforto nessa articulação quase sempre tem jeito

Por: Mirela Mazzola18/11/2021

evitar dores no joelho ao correr

Você já parou para pensar na carga que o joelho sustenta ao longo da vida? Além de permitir o movimento das pernas e suportar o peso do corpo (que oscila com o passar dos anos), ele está “no meio do caminho” entre o quadril e o tornozelo – e, por isso, também sofre com a instabilidade dessas duas regiões.

Para início de conversa, vamos falar um pouco sobre essa articulação importantíssima. O joelho é formado por três ossos principais, revestidos por cartilagem que permite o movimento: o fêmur (o osso da coxa), a tíbia (o osso da canela) e a patela (ou rótula, que fica na frente do fêmur). Entre a tíbia e o fêmur está o menisco, tecido que atua como um amortecedor. Músculos e ligamentos também integram a área do joelho e interferem em seu funcionamento. Quando se trata de corrida, claro, a saúde dos joelhos é fundamental. 

A seguir, separamos 3 dicas para preservar seu joelho e evitar dores, com a ajuda da assessoria online de treinos Corrida Perfeita. Dá uma olhada:

1. Atenção à técnica

A dor no joelho costuma ter relação com sua forma de correr. “Muitas vezes a pessoa faz fortalecimento e segue o treino com regularidade, mas mesmo assim sente dores. Isso pode indicar que algum movimento está sendo feito de forma errada”, diz Andrei Achcar, coach da Corrida Perfeita. Nesse caso, procure um educador físico para afastar essa possibilidade. Se a dor persistir, busque um fisioterapeuta e considere se consultar com o ortopedista.

2. Cuide do quadril e do tornozelo

Como já falamos, a instabilidade nessas articulações contribui para que o joelho sofra mais durante a corrida. “Costumo dizer que o joelho é uma vítima do quadril e do tornozelo. Um joelho saudável depende da estabilização de ambos”, diz Andrei. 

3. Planeje a sua evolução

Aumente o volume e a intensidade dos treinos aos poucos, para não sobrecarregar demais o seu corpo. Para isso, vale contar com um profissional capacitado.

Mas, mesmo seguindo essas dicas, existe alguma predisposição no joelho que dificulte muito a prática da corrida? Algumas condições anatômicas exigem fortalecimento especial, a exemplo dos joelhos varo (chamado popularmente de “perna de caubói”, é quando os joelhos se mantêm afastados mesmo com um tornozelo encostado no outro) e valgo (quando, ao contrário, os joelhos se voltam para dentro). “Ambos geram pressão desigual no menisco e pedem atenção redobrada à técnica”, diz Andrei. Ele também enumera o tamanho da patela, que pode influenciar o deslize e causar desgaste na região. “No entanto, a maioria dos problemas pode ser resolvida com boa técnica e corpo fortalecido. Isso reduz muito a sobrecarga e aumenta a vida útil dos joelhos”, conclui o expert.

Já que você está aqui…

Dica bônus!

Quer fortalecer os joelhos com a ajuda de professores capacitados? Encontre a Smart Fit mais perto de você e confira os planos disponíveis.

Quero começar a correr na Smart!
TAGS:

Siga a Smart no insta

Instagram @smartfit
Instagram @smartfit
Instagram @smartfit
Instagram @smartfit

Este site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Consulte nossa política de privacidade.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close