Academia Fitness Nutrição Saúde

Benefícios do treinamento funcional

Se você quer trabalhar o corpo de maneira completa, que tal experimentar o funcional?

Por: Larissa Serpa18/12/2020

Benefícios do treinamento funcional

Você já deve ter ouvido falar bastante dele, mas você sabe exatamente o que é o treinamento funcional? “É um tipo de modalidade ou programa de exercícios que usa vários grupos musculares dentro de uma mesma sessão. Ele une movimento para melhorar habilidades e a aptidão para atividades habituais na rotina da pessoa”, explica Páblius Staduto Braga, médico do Centro de Medicina do Esporte do Hospital 9 de Julho (São Paulo). Veja a seguir um pouco mais sobre ele e os benefícios do treinamento funcional.

O que é treinamento funcional?

O treinamento funcional, então, é uma modalidade que visa melhorar habilidades e aptidão, sejam elas quais forem. Como o nome diz, é o conjunto de exercícios que têm como finalidade melhorar uma função

“Por esse viés, qualquer treino pode ser considerado funcional, porque eles são feitos para atingir um objetivo. Mas, o que nós classificamos como o treinamento funcional propriamente dito é aquele que é dinâmico e multidisciplinar. Ele une diferentes movimentos, muitas vezes até mesmo assimétricos, para melhorar uma função”, esclarece Lucas Florêncio, professor de educação física e gerente do departamento técnico da Smart Fit.

Como exemplo, Lucas cita o movimento de chutar uma bola, usado pelos jogadores profissionais de futebol. O treinamento funcional vai unir exercícios para melhorar a coordenação motora, a agilidade e a força ao mesmo tempo para o atleta executar melhor aquele movimento específico de levantamento da perna – o chute. “Por isso, ele é muito adotado por atletas de alta performance”, diz.

Benefícios do treinamento funcional

Praticar treinos funcionais traz uma série de benefícios. Entre eles:

• Melhora a função específica que você procura (ter mais agilidade, pular mais alto, mais força no arremesso);
• Promove o ganho de resistência física e uma melhora cardiorrespiratória;
• Trabalha a consciência e percepção corporal, uma vez que é uma prática mais dinâmica – diferentemente da musculação, por exemplo, em que os movimentos são mais limitados.
• Um estudo no Multiplinary Scientific Journal mostrou que ele também contribui para melhora do equilíbrio.

Foto: Unsplash

Quem deve praticar?

Páblius lembra que o treino funcional é mais indicado para quem já tem algum grau de aptidão física. Ou seja, deve ser evitado por sedentários “a menos que as cargas e velocidades de repetição sejam adaptados por um profissional capacitado para se adequarem ao nível iniciante do aluno”, completa.

De fato, um estudo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul analisou o efeito do treinamento funcional na população idosa, comumente mais frágil fisicamente, e concluiu que ele não só é seguro – quando feito corretamente –, mas também traz maior independência nas funções motoras, para as pessoas da terceira idade.

E uma outra pesquisa, realizada em Manaus, mostrou que o treinamento funcional é também um excelente aliado para pacientes em reabilitação física.

Lucas apenas chama atenção para quem procura benefícios estéticos. “Como dito, o treinamento funcional tem como objetivo principal uma função. É claro que o tônus muscular e o emagrecimento serão consequência, como acontece com a maioria das atividades físicas, mas eles não devem ser o foco principal de quem procura esse tipo de treino.”

Dê o play no treino funcional 

Continue por aqui 🙂

+ Top 5 aparelhos da academia para empinar o bumbum
+ 6 benefícios do transport

TAGS:

Este site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Consulte nossa política de privacidade.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close